Rapper Nipsey Hussle é Morto a Tiro aos 33... e Alguns dizem que é uma Conspiração

terça-feira, 2 de abril de 2019 Leave a Comment

Apenas algumas horas após a morte prematura de Nipsey Hussle, muitos na mídia social começaram a alegar que ele foi morto pelos "altos chefes", principalmente porque ele estava trabalhando em um documentário sobre o controverso Dr. Sebi.

O rapper Nipsey Hussle, indicado ao Grammy, morreu após ser baleado seis vezes fora de sua loja de roupas na tarde de domingo. Ele tinha 33 anos de idade. O atirador fugiu da cena e continua em liberdade. Segundo uma testemunha, Hussle foi morto no “estilo militar”, com cinco tiros no corpo e um na cabeça. Cerca de 30 minutos antes do tiroteio fatal, Hussle twittou: “Ter inimigos fortes é uma bênção”.

 O tweet final de Hussle.

Fontes policiais afirmam que Hussle foi baleado por um jovem negro que abriu fogo a curta distância e depois correu para um carro em fuga. Acredita-se que o homem possa estar envolvido em atividades de gangues. Hussle sempre foi associado ao Rollin 60s Neighborhood Crips, uma das maiores gangues de rua de Los Angeles.

Outra fonte disse ao Los Angeles Times que os detetives estavam trabalhando e destacou que o assassinato pode não estar ligado a uma disputa maior entre gangues de rua. Os detetives ainda tentam recuperar qualquer vídeo de segurança que possa existir.

O tiroteio ocorreu um dia antes de Hussle agendar uma reunião com o chefe do Departamento de Polícia de Nova York, Michel Moore, e com o comissário de polícia Steve Soboroff, "para falar sobre como ele poderia ajudar a acabar com a violência de gangues e nos ajudar a ajudar crianças". Representantes da Roc Nation (agência de talentos e produtora de Jay-Z) também iriam comparecer à reunião.

 Nipsey Hussle se apresentando no palco do Warner Music 
Pre-Grammy Party no NoMad Hotel em fevereiro de 2019. 

Aos poucos, Hussle estava construindo uma carreira na indústria da música. Dois meses atrás, seu álbum de estreia, "Victory Lap", foi indicado como melhor álbum de rap no Grammy de 2019.

Hussle também era conhecido por seu trabalho comunitário em Los Angeles. Por exemplo, ele uma vez deu um par de sapatos para todos os alunos de uma escola primária no Hyde Park. Ele também ajudou a financiar melhorias para o playground. Hussle também possuía propriedades e negócios em sua área, incluindo o shopping center onde foi baleado. Ele era conhecido por oferecer empregos para pessoas com dificuldades e até para os desabrigados.

Para alguns, Hussle estava se tornando um líder negro positivo e isso foi o suficiente para matá-lo. Aqui está uma postagem de um usuário no Reddit:


Ele foi assassinado porque estava fazendo mudanças nas comunidades negras. O governo o assassinou como fizeram com Fred Hampton, Malcom X, MLK e muitos outros. Um dos principais objetivos da COINTELPRO era retirar qualquer “messias preto” e é exatamente isso que a Nipsey Hussle estava se tornando. Ele estava lançando programas STEM em cidades do interior, sempre pregava sobre investimentos em imóveis e estava consciente das coisas que mantinham os afro-americanos para baixo. A razão mais óbvia para o seu assassinato é porque ele estava fazendo um documentário sobre o Dr. Sebi, que alegou ter encontrado a cura para a AIDS. Não demorou muito para que Dr. Sebi fosse assassinado também. Não podemos deixar isso ser varrido para debaixo do tapete. Os EUA assassinaram Nipsey Hussle.


Imediatamente após a morte de Hussle, muitos foram para a mídia social apontar a ligação entre o rapper e o controverso Dr. Sebi.

Dr. Sebi

Dr. Sebi

Dr. Sebi (nome real: Alfredo Darrington Bowman) era um fitoterapeuta e autoproclamado curandeiro que operava em Nova York, Los Angeles e Honduras. Ele alegou curar todas as doenças com ervas e uma dieta vegana única. Dr. Sebi ensinou teorias polêmicas como a que o HIV não era a causa da AIDS e que os africanos (e seus descendentes) tinham características genéticas únicas que exigiam medicamentos únicos.

Sebi abriu uma clínica chamada USHA Instituto de Pesquisa em Honduras, onde tratou de celebridades como Lisa Lopes, Steven Seagal, John Travolta, Eddie Murphy e Michael Jackson.

Em 2016, o Dr. Sebi foi preso e encarcerado em Honduras por lavagem de dinheiro. Ele ficou preso por várias semanas em uma prisão hondurenha enquanto sua família tentava obter sua libertação. Em 6 de agosto de 2016, Sebi morreu devido a complicações de pneumonia sob custódia de autoridades hondurenhas. Acredita-se que a duração de seu tempo sob custódia e as condições da prisão podem ter contribuído para sua morte. Os seguidores de Sebi questionaram as circunstâncias em torno de sua prisão e morte, alegando que havia uma conspiração para silenciá-lo porque seus ensinamentos iam contra os interesses da grande indústria farmacêutica.

Em 2018, Nipsey Hussle anunciou que estava trabalhando em um documentário para esclarecer o infame julgamento do Dr. Sebi, onde ele provou que encontrou a cura para a AIDS. Em uma entrevista (abaixo), Hussle na verdade afirmou que ele poderia ser morto ao longo deste documentário.

Aqui estão alguns posts nas mídias sociais sobre a morte de Hussle.

Muitos salientaram que Lisa “Left Eye” Lopez tragicamente perdeu sua vida em Honduras depois de ir ao Dr. Sebi e promover seus ensinamentos.

 Lisa "Left Eye" Lopes com o Dr. Sebi.

Nick Cannon apoiou abertamente a teoria de que a morte de Hussle estava ligada ao Dr. Sebi (há alguns meses, Cannon também comentou sobre Kanye West, afirmando que "MK-ULTRA é real").

 O tweet de Nick Cannon sobre Nipsey Hussle: 
"A Guerra Espiritual é REAL e em pleno vigor".

Cannon prometeu ter o documentário de Hussle lançado.

The Vigilant Citizen



1 comentários »

  • Williaan Kabelo said:  

    Oi Danizudo, a Jennifer Lopez lançou uma música chamado "Medicine" e a capa promocional dessa música para single é ela com uma mascará com quatro rostos. Ela provavelmente vai lançar o clipe semana que vem e eu queria você analisasse.

  • Leave your response!

    NÃO serão aceitos comentários que:

    - Forem desagradáveis;
    - Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
    - Usarem CAPS excessivamente;

    Seus comentários poderão levar algumas horas para aparecer nesta página. Eles não serão necessariamente respondidos pelo autor.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste site.