,

Katy Perry é Acusada de Bruxaria por Freiras do Convento que Ela comprou

domingo, 19 de março de 2017 Leave a Comment

Duas freiras que se opuseram veementemente a Katy Perry comprar seu ex-convento a acusaram de bruxaria e de "vender sua alma ao diabo". Elas de fato não querem que Katy se mude para lá.

A cantora, cujo último single foi sobre pessoas vivendo "muito confortáveis ​​em sua bolha", tem tentado comprar, nos últimos dois anos, um gigantesco convento em Los Feliz, Los Angeles. Perry fez uma oferta de US$ 14,5 milhões para comprar a propriedade de oito acres, mas cinco freiras que mantêm a propriedade lutaram com unhas e dentes para parar o negócio. O juiz finalmente tomou partido a favor de Katy, que provavelmente irá se mudar para a propriedade depois que a transação for aprovada pelo Vaticano.

A propriedade é mantida pela Irmã Rita Callanan, 78, e pela Irmã Rose Catherine Holzman, 86, que pertencem à Ordem do Imaculado Coração da Bem-Aventurada Virgem Maria. A irmã Callanan declarou que "não ficaria muito feliz se Katy Perry tomasse a propriedade, acrescentando: "Eu não gosto do estilo de vida de Katy Perry".

Irmã Rose Catherine Holzman, (à esquerda) e Irmã Rita Callanan
 no convento que está prestes a ser comprado por Katy Perry.

Em meio à batalha judicial, as freiras têm sido extremamente abertas sobre sua oposição à venda, até mesmo chamando Katy de "nojenta" e insinuando que ela iria profanar as terras sagradas do convento. Em uma entrevista para o Daily Mail, as freiras explicaram o momento em que confrontaram Katy Perry sobre a venda de sua alma para o diabo e muito mais.


Recordando uma reunião que as irmãs tiveram com a cantora, a irmã Callanan disse: Ela trouxe sua mãe Mary para a reunião e eu pensei: "Oh, Deus nos ajude."

Katy Perry estava vestida muito bem e disse: "Eu tenho esta tatuagem no meu pulso escrita Jesus".  

E eu queria dizer, "sim e qual é outra a tatuagem atrás de você?"

A freira também perguntou Katy sobre as observações que ela tinha feito sobre "vender sua alma para o diabo" quando ela se mudou da música cristã para o pop mainstream.


A freira provavelmente estava se referindo ao seguinte vídeo (que também foi apresentado no meu artigo Katy Perry - "vendi minha alma ao diabo"), onde Katy fala sobre seu passado cristão e como vendeu sua alma para o diabo.


Quando Callan perguntou o que queria fazer com sua vida, Katy teria respondido:


"Bem, eu não sei, é por isso que eu quero essa propriedade, porque eu quero descer, sentar e beber chá verde e ir para o jardim e apenas meditar."

A irmã Callanan disse: Eu só pensei "meu Deus".

Ela revelou que também perguntou a Katy sobre sua visita a Salém, que é sinônimo de feitiçaria: Eu perguntei a ela: "você mexe com feitiçaria, você foi para Salém."

Ela olhou para uma das pessoas que estava com ela e perguntou: "Eu fui para Salém, eu estive em Salém?

Eu disse: "Até parece, você não sabia que esteve em Salém em uma coisa de feitiçaria.Você não se lembra? Isso ficaria guardado na mente. Eu li, essa informação estava incorreta?"

"Sinto muito, mas eu não estou envolvida em feitiçaria e eu não estou envolvida com pessoas que estão na feitiçaria."

"Isso me perturba, e essa foi a nossa casa-mãe e nossa casa de retiro e é uma terra sagrada". 

- Ibid


Katy Perry no evento das bruxas de Salém em 2014.

No Grammy 2014, Katy Perry interpretou o papel de uma 
bruxa sendo queimada na estaca enquanto uma figura de chifres 

Por que Katy Perry precisa comprar essa propriedade específica a qualquer custo? Provavelmente porque ela tem um passado bastante obscuro.

Uma História Obscura


A propriedade foi construída originalmente em 1927 para o empreendedor Earle Anthony. Foi então vendida em 1961 ao filantropo católico Sir Daniel Donohue. Logo depois, seu filho cometeu suicídio na propriedade.

Em 1969, os seguidores de Manson chacinaram o casal Leno e Rosemary LaBianca em sua casa adjacente à propriedade. 

O casal foi esfaqueado dezenas de vezes de uma maneira ritualística. Leno LaBianca recebeu 14 golpes puncionados com uma forquilha de escultura de duas mãos, que foi deixada saindo fora de seu estômago. Uma faca também foi plantada em sua garganta. Os seguidores de Manson escreveram "Rise" e "Death to pigs" nas paredes e "Helter Skelter" na porta da geladeira, todos no sangue de LaBianca. Esses eventos ocorreram no dia seguinte ao assassinato infame de Sharon Tate (mulher grávida de Roman Polanski) pela "família" de Manson (leia meu artigo sobre isso aqui).


Em agosto de 1969, uma noite após o assassinato de Sharon Tate e outros seguidores de Charles Manson, Leno e Rosemary LaBianca também foram massacrados pela família Manson - e a frase ortograficamente errada "Healter Skelter" foi escrita em sangue num refrigerador - numa casa que fica ao lado da propriedade das freiras." 

– NY Times, 2 Nuns, a Developer and Katy Perry Walk Into a Real Estate Deal


Charles Manson foi um produto do programa MKULTRA. Ele foi descrito por Fritz Springmeier como "um escravo Monarca e um manipulador". Seus programadores sabiam antecipadamente quais seriam os próximos alvos. Ele foi basicamente usado pela elite para realizar assassinatos ritualísticos. Manson teria sido programado usando músicas dos Beatles (o próprio Manson afirmou que a música "Helter Skelter" continha mensagens escondidas destinadas à sua família).


"As matanças de Manson foram executadas de acordo com o ritual antigo com vendas nos olhos e "cordas da iniciação" em torno dos pescoços dos sacrifícios. (...)

O que estamos testemunhando na vigília da promulgação pública desses psicodramas alquímicos, cujas consequências espirituais para a humanidade são muito mais importantes do que a maioria já adivinhou, é um processo de iniciação oculta global".

– Michael, A. Hoffman, Secret Societies and Psychological Warfare


Toda a saga de Manson estava profundamente interligada com a indústria satânica da elite oculta.


"Os assassinatos atribuídos ao Filho de Sam, a Família Manson, e muitas outras mortes interconectadas (incluindo possivelmente os assassinatos do Zodíaco) não eram o que pareciam ser. Enquanto esses assassinatos pareciam ser o trabalho aleatório de assassinos em série/massa, na verdade eram contratos realizados para fins específicos por uma rede interligada de cultos satânicos... Em outras palavras, esses foram alvos profissionais orquestrados e disfarçados para parecer o trabalho de outro "assassino em série maluco". 

– David McGowan, “There’s Something About Henry”


Então, essa é a propriedade que Katy Perry vem tentando comprar nos últimos dois anos. Será que é na verdade o lugar perfeito para beber "chá verde e meditar" ... ou realizar rituais de magia negra?

Fonte: VC

Veja Mais

0 comentários »

Leave your response!

NÃO serão aceitos comentários que:

- Forem desagradáveis;
- Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
- Usarem CAPS excessivamente;

Seus comentários poderão levar algumas horas para aparecer nesta página. Eles não serão necessariamente respondidos pelo autor.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste site.