Vítima de Abuso: Político Britânico "Assassinou" Garoto em Festa de Orgia

terça-feira, 9 de dezembro de 2014 Leave a Comment

 O local da antiga Elm House Guest em 
Barnes, onde o abuso é dito ter acontecido.

Uma suposta vítima de uma rede sexual de pessoas de alto nível afirma que um deputado conservador matou um menino durante uma festa de orgia, que contou com a presença dos ricos e poderosos da Inglaterra na década de 80.

Os recentes escândalos que emanam da Grã-Bretanha envolvendo políticos de alto nível, empresários e celebridades (veja sobre Jimmy Savile) fornecem-nos um vislumbre do mundo obscuro e torpe da elite oculta. Uma de suas obras favoritas: Caçar crianças inocentes, violentá-las de maneiras terríveis, alimentando-se de sua juventude, como se fosse uma fonte de força vital. Esses crimes não são o produto de alguns indivíduos pervertidos, eles são o resultado de um grupo de nível elevado e altamente institucionalizado, que foi apelidado de rede de pedofilia Westminster.

Uma suposta vítima da rede de Westminster, que agora tem mais de 40 anos de idade, recentemente afirmou ter sido um dos 15 meninos que foram abusados nas mãos da rede poderosa. De acordo com o The Telegraph:


Um deputado conservador assassinou um menino durante uma festa de orgia na década de 80, uma suposta vítima do escândalo de pedofilia em Westminster afirmou. 

O menino de 12 anos de idade, que estava sendo abusado por um grupo de homens, foi estrangulado pelo político em um condomínio de luxo na frente de outras vítimas, foi alegado.

Em outra ocasião, a vítima alega que outro jovem rapaz, que tinha cerca de dez anos de idade, foi deliberadamente atropelado e morto por um carro dirigido por um de seus agressores.

Os supostos assassinatos estão entre os três que estão agora sendo investigados pela Polícia Metropolitana, como parte de uma grande investigação sobre alegações de que uma rede poderosa com ligações com Westminster operou na Grã-Bretanha nos anos 70 e 80. 

(...)

Ele afirma que depois de ter sido entregue ao grupo pelo seu pai, ele era regularmente levado em carros para hotéis e apartamentos, onde era fisicamente e sexualmente abusado por  "militares e políticos mais velhos". 

Alguns dos abusos teriam ocorrido em apartamentos no Dolphin Square, em Pimlico, onde vários políticos têm suas casas em Londres. 

O homem, que tem falado em detalhe para detetives da Scotland Yard, disse que ele tinha testemunhado dois assassinatos de vítimas de abuso por membros do grupo. 

Ele disse ao Sunday People que estava no mesmo quarto que um menino de 12 anos de idade, quando um político o estrangulou até a morte.

O assassinato teria sido testemunhado por uma outra vítima de abuso, que estava no quarto no mesma hora.

Ele disse: "Eu assisti enquanto isso acontecia. Eu não sei como eu saí disso. Se eu nunca irei saber por que eu sobrevivi, eu não tenho certeza."

Em outra ocasião, ele afirma que um membro da gangue atropelou deliberadamente uma das vítimas, no que ele descreveu como um esforço para demonstrar seu poder.

Um terceiro rapaz foi assassinado durante uma orgia em que outro político estava presente, o homem contou aos detetives.

- The Telegraph


A situação vivida por essas jovens vítimas é semelhante a de escravos de controle mental. De acordo com o acusador:


"Eles eram pessoas muito poderosas e controlaram a minha vida pelos próximos nove anos. Eles criaram o medo que penetrava cada parte de mim, no dia a dia. Você não perguntava o que eles queriam, você fazia o que eles pediam, sem dúvida, e as punições eram muito severas".

"Eles não hesitavam em fazer o que eles queriam fazer", disse Nick. "Alguns deles eram bastante abertos sobre quem eles eram. Eles não tinham medo algum de ser pego, isso não passava pela  mente deles."

 - The Telegraph
 

Como você pode ver, essas alegações ostentam todas as marcas da elite oculta. Crianças pequenas dadas pelos seus pais às altas redes de poder; abuso repetitivo e ritualístico; assassinatos gratuitos que podem ser sacrifícios de sangue. E essa é apenas a ponta do iceberg.

Será que a Scotland Yard irá prender e punir esses criminosos? Considerando o fato de que as autoridades estão basicamente metidas nisso (eles encobriram essas histórias ao longo de décadas), eu não contaria com isso.

 
Fonte: VC

Veja Mais  
Jimmy Savile: Um Exemplo Clássico de Abusador da Indústria do Entretenimento Protegido pela Elite
Terry Richardson Acusado de Explorar e Abusar de Modelos

5 comentários »

  • paulo joão said:  

    Li num site que o príncipe da Holanda matou crianças e que faz parte de um grupo chamado de nono circulo do inferno?Procede?

  • Matheus said:  

    Isso condiz exatamente com o que William Schnoebelen diz a respeito de abuso de crianças: é dito em determinadas sociedades que o segredo para a juventude está no vampirismo realizado por meio dos "túneis de Typhon" (ou tuneis de Seth, os caminhos das árvore ambíguas da Cabala).

    Em outras palavras: para ser jovem pra sempre, deve-se frequentemente penetrar esses tuneis de Typhon (o ânus) de crianças (pois estas possuem muita magicka vital).

    Se isso funciona, não sei. Mas o que importa é que é algo realmente horrivel e repugnante. E infelizmente isso é muito praticado.

  • Melissa Machado said:  

    Que horrível, isso é repugnante ..

  • Samuel Sahyde said:  

    Sinto muito pelas crianças, e apenas confio na justiça divina, e que essas crianças encontrem conforto em Jesus, pois o que passam deixam grandes marcas em sua vidas para sempre.

  • Samuel Sahyde said:  

    Apeanas espero que a justiça de Deus seja feita, e que essas crianças encontrem conforto em Jesus, pois o que passaram deixou marcas profundos no mais intimo de suas almas.

  • Leave your response!

    NÃO serão aceitos comentários que:

    - Forem desagradáveis;
    - Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
    - Usarem CAPS excessivamente;

    Seus comentários poderão levar algumas horas para aparecer nesta página. Eles não serão necessariamente respondidos pelo autor.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste site.