, ,

A-Jax e Ladies' Code: Dois Exemplos Flagrantes da Cultura de Controle Mental no K-Pop

segunda-feira, 16 de setembro de 2013 Leave a Comment

O simbolismo Illuminati de controle mental não existe apenas no mundo ocidental. Na Ásia, o altamente popular K-Pop também está repleto com as mesmas imagens. Vamos analisar o simbolismo de "Insane", de A-JAX, e "Hate You", de Ladies' Code, dois exemplos flagrantes que comprovam que o simbolismo da elite é verdadeiramente internacional.

O K-Pop (música pop da Coréia do Sul) acumulou um incrível número de seguidores em todo o mundo, visto que sua "fábrica" continua criando novas bandas e vídeos musicais de meninos e meninas, que se tornaram hits instantâneos no YouTube. A "onda coreana" atingiu não só a Ásia, mas também a América Latina, Nordeste da Índia, o Oriente Médio e o Norte da África. No entanto, embora o K-Pop pareça ter se tornado uma espécie de alternativa à cultura pop ocidental, ele não está isento de simbolismo Illuminati e da Agenda encontrada no pop ocidental. Na verdade , o simbolismo é muitas vezes mais flagrante e "na cara dura" nos vídeos K-Pop, fazendo-me perguntar: o K-Pop é de fato uma alternativa ao pop ocidental ou apenas uma forma eficaz para a elite obter a sua mensagem também na Ásia?

Uma rápida olhada nos vídeos K- Pop como "Insane", de A-JAX, e "Hate You", de Ladies' Code,  é tudo o que se precisa para perceber que o simbolismo de controle mental é mais forte no K-Pop do que no Ocidente. Na verdade, ambos os vídeos, basicamente, parecem um manual MK-Ultra, utilizando todos os símbolos associados e retratando as estrelas como escravas. O K-Pop se tornou efetivamente uma outra saída para a elite promover a sua "cultura de controle mental", e até mesmo aludir as suas práticas sádicas em vídeos elegantes destinados a jovens e a pessoas ingênuas. (Para mais informações sobre controle mental, leia o artigo as Origens e Técnicas do Controle Mental Monarca). Vamos analisar os vídeos e ver como eles se encaixam perfeitamente com a Agenda MK, que também é promovida no mundo ocidental.

"Insane", de A-JAX 

A-JAX é um dessas boy bands do K-pop que foram totalmente criadas por uma gravadora e um reality show. O vídeo "Insane" contém todas as características de simbolismo MK. Além disso, ele mostra claramente os cantores como escravos de mente controlada que estão hipnotizados em uma instituição mental e se dissociam para um mundo cheio de simbolismo MK. Quão mais óbvio isso poderia ser?

O vídeo se passa em uma sala de uma instituição mental, onde os membros da banda mantidos lá estão constantemente hipnotizados por médicos assustadores. Ao longo do vídeo, os membros se dissociam para um mundo alternativo, enquanto permanecem fisicamente na sala. Fazer um escravo dissociar é a premissa básica do controle mental, e o vídeo refere-se claramente a isso. Por que expor os jovens a essa prática doentia? Porque isso faz parte da Agenda da elite.

  O cantor está em um quarto e é hipnotizado por um manipulador. Ao longo 
do vídeo , o relógio exibe momentos aleatórios, provavelmente enfatizando o fato 
de que os escravos MK perdem a noção do tempo. Acima do cantor há uma cabeça 
de Baphomet (não o vemos plenamente neste print). Esse valor simbólico
 é um ponto de ancoragem para mundos alternativos do escravo.

 O escravo no vídeo segue exatamente o roteiro da cultura MK - 
ele se dissocia e o ato é representado por ele "indo através do espelho". Ele,
 portanto, literalmente, passa por um espelho e se dissocia da realidade. 

Como visto em artigos anteriores, "ir através do espelho" é o símbolo clássico para dissociar da realidade. Isso foi tirado de "Alice no País das Maravilhas", uma história que é usada como uma ferramenta para programar escravos.

Quando o escravo passa pelo espelho, ele entra em seu "mundo interior", do jeito que é programado pelo seu manipulador .

  Em uma cena, a "psique" é representada por uma sala cheia de espelhos.

Aqueles por trás do vídeo parecem ter um bom conhecimento de programação monarca, porque é exatamente assim que o mundo interno de escravos monarcas é feito para ser.


 "Na programação de escravos monarca, os espelhos são ​​muito usados. Dentro da mente do escravo monarca, inúmeras imagens de espelho são feitas. O escravo vê milhares de espelhos em todos os lugares de sua mente." 

- Fritz Springmeier, The Illuminati Formula to Create a Mind Control Slave
 

  O conceito de corredor de espelhos para representar a mente de um 
escravo é usado frequentemente na mídia em temas MK, como em Katy
 Perry "Wide Awake" (leia o artigo sobre isso aqui).

Os escravos, em seguida, passa por outro espelho e termina em outra cena muito simbólica: Uma sala que consiste unicamente em padrões preto e branco dualistas.

  O estilo desta sala não foi escolhido por acaso: padrões
 dualistas são usados ​​para programar/hipnotizar escravos MK.

  Esta pintura foi feita por uma escrava monarca sobrevivente, Kim Noble,
 (leia o artigo sobre ela aqui) e mostra claramente a importância desse padrão 
na programação MK. As semelhanças entre o vídeo da música e esta 
pintura é impressionante demais para ser ignorada.

 O vídeo mostra claramente que as cenas de dissociação estão acontecendo na mente do escravo.

 Depois de ver esse cara na sala de xadrez com o vento soprando nele, podemos 
vê-lo no quarto de hospital encarando um ventilador, o que implica que ele 
está fisicamente na instituição, mas sua mente dissociou-se de lá. 

  A cantora tem dissociado para outra sala. Há pentagramas em toda a sua
roupa. Combinada com a cabeça de Baphomet atrás dele, esta cena refere-se aos 
rituais de magia negra que acontecem durante a programação dos escravos. 

 Em um ponto, os globos oculares da cabeça de Baphomet assusta-
doramente viram-se para os telespectadores, enfatizando sua importância
 e deixando-o saber que "ele está te observando".

 Que tipo de quarto de uma instituição tem uma cabeça de Baphomet logo 
acima da cama do paciente enquanto ele está sendo hipnotizado? Um sítio 
de programação de controle mental ... e nenhum outro lugar . 

  "Closes" da câmera de vídeo dizem aos telespectadores que esses 
caras do A-JAX não são simplesmente "Insanos", eles estão sendo
 monitorados e controlados pelos seus manipuladores.

 O escravo detém a "chave para a sua psique", mas, como podemos ver
 aqui, ela é composta por duas extremidades iguais, sem a chave, insinuando 
o fato de que os escravos não possuem a chave para sua própria mente. 

Tudo isso leva ao objetivo final da programação monarca: A fratura da persona núcleo e a criação de novas personas.

 A multiplicação do escravo em novas personas. 

Quase todos os frames de "Insane" são preenchidos com imagens associadas e usados na programação MK. Embora a música seja sobre eles serem "insanos", vemos claramente que há muito mais acontecendo lá. Os cantores estão sendo ativamente hipnotizados, monitorados e controlados para dissociarem da realidade. Combinado com o simbolismo oculto, o vídeo dá uma imagem completa do que a cultura MK é. 

Ladies' Code "Hate You" 

Ao ler o título da canção e a tradução da letras, a maioria das pessoas acreditariam que "Hate You" é sobre uma garota que odeia o namorado dela, mas não pode deixá-lo. No entanto, as imagens do vídeo comunicam algo muito mais perturbador. Não há absolutamente nenhuma referência a uma relação de amor no vídeo, mas a abundância de referências a um outro tipo de relacionamento: um entre um escravo MK e seu manipulador. Não é só o vídeo que está repleto de simbolismo básico que vimos nos artigos anteriores, ele simbolicamente retrata a relação doentia entre escravos programados e um manipulador sádico.
A menina está sentada em um quarto cheio de bonecas (que representam 
as alter-personas do escravo). Na parede estão marcas utilizadas pelos presos 
para contar os dias atrás das grades. Por isso, entendemos que a menina 
está "confinada" e mantida lá contra sua vontade. Por uma fração 
de segundo, a imagem de uma lagarta aparece na tela. 

Imediatamente após, a imagem de uma borboleta aparece na tela - o sím-
bolo da programação Monarca (cujo nome vem de um tipo de borboleta).

Quando combinamos as bonecas, as marcas na parede e a borboleta, obtemos uma clara referência à programação Monarca .


 "O nome MONARCA não é necessariamente definido dentro do contexto de nobreza real, mas refere-se à borboleta monarca.

 Quando uma pessoa está passando por trauma induzido por eletrochoque, uma sensação de atordoamento é evidenciada, como se estivesse flutuando como uma borboleta. Há também uma representação simbólica relativa à transformação ou metamorfose desse belo inseto: a partir de uma lagarta para uma casulo (dormência, inatividade), a uma borboleta (nova criação) que irá retornar ao seu ponto de origem. Esse é o padrão migratório que faz esta espécie única."

 - Ron Patton, Project Monarch


Embora os dois frames acima sejam imagens de controle mental puras, o resto do vídeo torna tudo mais claro quanto ao seu verdadeiro significado. 

Aqui, a cantora inocentemente (e ainda assustadoramente) brinca com uma marionete. 

  Ela, então, passa a ser a marionete, controlada por mãos 
invisíveis - uma forma clássica de representar um escravo MK.

As outras cantoras aparecem em cenas semelhantes. Elas primeiramente desempenham o papel do manipulador, em seguida, do escravo. 

  A cantora segura a boneca de uma forma contundente e restritiva. 

 Ela então começa a ser segurada da mesma forma por manipuladores invisíveis.

 A cantora dá à boneca uma punição cruel e incomum:
 ela queima um de seus olhos usando uma lupa.

  Em seguida, ela aparece com um tapa-olho, o que significa que ela recebe
 o mesmo tratamento e que ela é também uma escrava. Além disso, esta é 
uma forma clássica de exibir o sinal do "um olho" inevitável.

  Falando do sinal do "um olho" inevitável, aqui está ele novamente. 

  Nesta cena, as duas cantoras estão sentadas atrás de um prato cheio de bonecas
 que foram dilaceradas. Este é um símbolo usado para representar os escravos MK
 impotentes e fragmentados. Assim como no vídeo de A-JAX, há uma
 figura com chifres "presidindo" sobre a cena.

 Aqui a cantora está estrategicamente colocada na frente dos chifres, aparecendo 
como se estivessem saindo de sua cabeça - o que implica que ela está fazendo o papel
 de um manipulador MK. Ela está segurando uma cabeça de boneca 
enquanto estranhamente escova seus cabelos.

  Por uma fração de segundo, a imagem do crânio de Baphomet 
aparece, como flashes em seu rosto, enfatizando o fato de que
 esses chifres não estão lá por motivos aleatórios.

  Ela, então, tira o cabelo da boneca, confirmando que ela era um 
manipulador, que estava basicamente torturando (escalpelamento) 
um escravo representado pela boneca.

 Uma escrava literalmente amarrada ao seu manipulador.

 Como o grande número de imagens tiradas deste vídeo sugere, "Hate You" é praticamente uma compilação do imaginário da programação monarca. Os membros de Ladies' Code são feitos desempenhar o papel de manipuladores e escravas, simbolicamente, recriando algumas das terríveis torturas que escravos reais tem que suportar. O refrão, que repete "Eu odeio você" três vezes para terminar com "mas eu te amo", pode ser interpretado como escravos MK que desprezam os seus manipuladores sádicos, mas que são, no entanto, programados para sentir algo parecido com amor para com eles. Doentio? Sim.

 Conclusão

Se você é um leitor assíduo deste site, você pode agora facilmente reconhecer o conjunto específico de símbolos que são usados ​​pela elite oculta para promover a cultura MK. Aqueles que fazem parte do sistema de programação monarca criaram uma cultura perturbadora que a rodeia, cheia de estética e símbolos que estão agora onipresentes nos meios de comunicação de massa. Tudo isso é embalado com melodias cativantes e artistas de boa aparência, o que faz com que os jovens se associem subliminarmente essa cultura com sentimentos positivos, até mesmo fazendo-a tornar-se moda. Como os vídeos acima provam, tudo isso está cada vez mais flagrante e não interpretar esses vídeos através da lente de controle mental é quase impossível. 
Embora a cultura de controle mental pareça ter se originado nos Estados Unidos, exatamente o mesmo conjunto de símbolos e significados também estão presentes no crescente K-Pop. O fato de que isso está acontecendo prova duas coisas: Primeiro, o conjunto de símbolos nesses vídeos não é resultado de coincidência. Ele é a imagem coesa que se origina a partir do controle mental monarca. Em segundo lugar, é óbvio que no topo de todas as indústrias da música, seja na América, na Europa ou na Ásia, a mesma elite ocultista está promovendo a mesma Agenda. Por que Baphomet tem que estar em todos esses vídeos em todo o mundo? Porque a cabeça com chifres representa quem está no poder, e quem está no poder não são seus políticos eleitos localmente, mas a elite global. Através desses vídeos, você está sendo dito o que a elite acredita e as práticas doentias que ela se envolve. As pessoas estão se rebelando contra isso? Não, muito ao contrário, eles estão dançando ao som disso e pagando dinheiro para comprar isso. Eu acho que A-JAX não são os únicos que são "insanos".

Fonte: VC

Leia Mais

30 comentários »

  • levitaingrid said:  

    Assisti aos dois videoclipes e está tudo tão ÓBVIO que esse post só serve para quem não pode ver os vídeos. Outra coisa que chama bastante a atenção é a cara de manequim (sem nenhuma real expressão)das meninas, mostrando como ficam as vítimas MK.

  • Monique Maida said:  

    É de se perceber o olhar inexpressivo dessas garotas.Pasme! acho que a cultura MK nunca esteve tão na cara quanto na moda!
    mais uma vez obrigada Danizudo por passar todo seu conhecimento a diante!

  • Mari said:  

    Chocante ! eu gosto de kpop, e já venho percebendo isto a bastante tempo,inclusive vi esse vídeo das ladies code e já tinha até percebido... Danizudo, acho que tem outro vídeo bem mais perturbador o nome é COUP D'Etat é de um cantor coreano também chamado G-Dragon.

  • Sougo said:  

    Danizudo vc poderia fazer um desses artigos so que da America Latina,mesmo eu achando que nao tenha muito simbolismo mas com certeza deve ter...
    E voce vai fazer sobre o Rock in Rio? Eu vi muitos triangulos la,bizarro.

  • Natália said:  

    Tudo isso por causa de fama e dinheiro!

  • Vitor said:  

    Galera, vejam a sinopse do filme "The Killing Room" ou "Manipulador de Cérebros" aqui no Brasil.
    O FILME FALA JUSTAMENTE SOBRE CONTROLE MENTAL! EXPLICITAMENTE. E ainda é um filme antigo, de 2009 ;)

  • Nita Souza said:  

    Agora entendi o porque das borboletas monarcas terem uma relação com o controle mental.

  • Salvador Bento said:  

    Caraca, esse foi o mais explícito que já vi ao lado de mais uns dois.

  • Ana Carolina Amaral Sereni said:  

    Tudo tão óbvio! Nenhum lugar no mundo está livre de fazer parte do cumprimento da agenda! Dani, ví um filme chamado Os Escolhidos e tem uma cena de uma árvore com a pirâmide com o olho, td muito rápido e sútil, mas meus olhos treinados viram...

  • Jumento said:  

    Fico impressionado como realmente esses artistas tem poder, os líderes não podem fazer o MK Ultra em todo mundo, então ele usa suas marionetes. Danizudo ótimo post.

  • Daiona Ev. said:  

    O tempo "deles" está cada vez mais curto, então procura-se introduzir toda essa cultura vil da maneira mais rápida possível, e cada vez mais explícita (pelo menos para nós que nos mantemos informados a respeito). Já estamos vivendo o fim dos tempos, cabe a nós nos apegar ao nosso Senhor Jesus Cristo, orar incessantemente, e vigiar, como diz a palavra de Deus.
    Parabéns pelo post.Que Deus continue te abençoando e te protegendo contra todo o mal.

  • Banda Mais Qi said:  

    Danizudo, gosto do seu trabalho e o acompanho faz muito tempo. Mas creio que você anda perdendo a mão cara. Na boa...

    Voce só fala desse pessoal da pior música pop de todos os tempos. Gente tão sem talento, que nem vendendo a alma conseguem fazer música de qualidade. Qualquer pessoa que conheça o mínimo de teoria musical sabe que a música dessa gente só pode estar envolvida com muita coisa errada pra fazer sucesso.

    Há vários filmes com muito conteúdo ocultista sendo lançados. A Forbes publicou uma lista dos mais ricos do mundo, na qual não se encontram Rockefeller's ou Rothschild's. Silas Malafaya de frente com Gabi. "Gayzificação" do sistema. São tantas coisas que se eu listar tudo, perderia uma semana.

    Sei que você não ganha nada com isso, que faz pura e simplesmente para alertar os não cristãos. Mas acho que já deu esse papo de Lady Gaga, Rihana e todos esses péssimos cantores atuais. Os Beatles e o Pink Floyd pelo menos sabiam tocar e cantar, assim como Michael Jackson e Whitney Houston.

    Abraços!

  • Miih Barbosa said:  

    Sou kpopper e realmente,no kpop é bem mais explicito os simbolismos. Exemplo disso,é a capa do cd Incredible do Junsu (JYJ), o mv COUP D'Etat do GD (BigBang), fora os mvs do Exo,Super Junior,2ne1 e etc... Se for parar e reparar,KPOP ta LOTADO de simbolismo.

  • Kanashii Die said:  

    Então porquê você ainda ouve? Cara, vou te falar, não sou cristão, nem compartilho todos os ideais cristãos, apesar de ter uma família cristã...
    Vou até te dizer que me fascinam a mitologia de religiões orientais e outras relacionadas ao ocultismo. Mas nesse ponto que a mídia está já é brincadeira né... Querendo enfiar as coisas pelo boeiro da nossa mente, será que nem nela você vai se dar o direito de opinar? Já que nesse mundo real, ocidental é global, já não é mais possível...

  • Usui said:  

    Iluminate ou não Ladies Code é vida <3 e Hate you é mais vida ainda sojung diva dms apenas bjaum , parem de colocar na cabeça de que tudo que é diferente é iluminate ok? adeus '-'

  • Lavi Senju said:  

    Eu fico curiosíssima pra saber detalhes de como esses artistas são programados

  • Leh Duff said:  

    Agora tudo é iluminati </3

  • juliiiy12 said:  

    Danizudo vc deveria fazer mais analises como estas sobre k-pop acho bastante interessante mas sempre tem lado negro de tudo! Vc pode principalmente fazer analises dos grupos por exemplo como BigBang, 2NE1, B.A.P, Girls' Generation etc.

  • juliiiy12 said:  

    Danizudo vc deveria fazer mais analises sobre K-Pop que esta sendo bastante reconhecido, acho interessante mas sempre tem uma mensagem ou um lado negro, gostaria mto de ver aqui no blog.

  • Laura rodrigues botelho said:  

    Boa tarde dani, bom, o que posso dizer sobre esse assunto é que infelizmente, quando se fala de mensagens subliminares tem-se mais atenção. Não duvido que muitos que leram esse artigo agora, fizeram o download dessas músicas e estão se divertindo por aí. Muitas vezes acho que o cantor ou seja lá quem for, não tem a intenção de passar nenhuma mensagem desse tipo, mas coloca essas imagens e frames pois dá IBOPE, dá fama para as músicas e vídeos. Por exemplo, quando uma pessoa assiste e lê um artigo igual á esse, fala pra outra pessoa que se interessa pela música e sai por aí espalhando-a entre seus amigos. Pronto! Tá feito.Mas a maioria deles fazem pq tem mesmo um pacto com os produtores e estão disseminando o controle MK. Vai entender esse povinho...

  • Winry said:  

    Você força muito as situações para defender seu ponto de vista, criando argumentos igualmente forçados. Você se aproveita de pessoas mentalmente frágeis e manipuláveis para passar adiante suas teorias da conspiração ridículas. Eu vinha aqui nesse site às vezes pra rir um pouco dessa baboseira que você diz, mas agora estou quase certa de que você deveria visitar um psicólogo. Uma das coisas que mais me fazer rir é como pra você tudo de um olho só é illuminati (que, aliás, nada tem haver com satanismo)

  • Winry said:  

    Aliás, pare de alienar as pessoas e, ao invés disso, diga para elas estudarem, para elas terem alguma serventia para a sociedade, porque é esse "o saber" que é útil, e não esse seu "saber" sensacionalista. Tudo bem defender sua religião, mas achar que tudo tem a ver com ela já é demais.

  • João Lucas Paschoal said:  

    Pura conhecidencia, Ladies' Code é vida!! Acompanho elas desde sua estréia! #RipRise #RipEunB

  • Anônimo said:  

    Gente falando:"ai,td pra vcs é illuminati" "td q é diferente,é illuminati" eu entendo vcs,o Danizudo já falou do Paramore várias vezes aqui,até hj não consigo acreditar q Playing God e a minha preferida deles Brick By Boring Brick falam sobre essas coisas. Eu entendo q é difícil acreditar,mas infelizmente é vdd. Apenas aceitem q essas coisas existem,q é verdade e procurem se afastar.
    Eu não parei de ouvir Paramore até hj,Brick By Boring Brick ainda é a minha preferida deles,assim como Playing God,mas por mais q eu interprete os clipes de duas maneiras diferentes,tenho q concordar q uma dessas minhas interpretações tem a ver com o controle mental. Eu queria q td fosse apenas coincidência,mas não é :(

  • Kami Déurin said:  

    Ladies Code forever, nao importa oque digam sempre vou amar Ladies Code,Bigbang,2ne1,Girls Generation, etc...

  • Anna Claudia said:  

    Caramba, muito explicito... eu sempre gostei do estilo kpop, uma pena essas coisas estarem no meio... :/ é terrivel e tão estranho saber que todo cantor/cantora, por mais talentoso que seja, precisa chegar a este ponto para conseguir uma vaga na carreira.

  • Anônimo said:  

    Se me permite uma correção, a cantora que queima o olho da boneca com a lupa não é a mesma que aparece de tapa olho na foto seguinte.

  • Senhor Elfo said:  

    Isso que você nem citou as piores bandas, que no caso são VIXX e SHINee. Cara, no MV de "Error", do VIXX, o membro que está cantando na hora (N) está ajoelhado e TODOS os cinco membros restantes fazem a mão chifrada para fazê-lo levantar. Isso tudo na maior cara dura no meio da coreografia. Além disso tem Voodoo Doll, Hyde(os dois mais explícitos), Dynamite...

  • Leave your response!

    NÃO serão aceitos comentários que:

    - Forem desagradáveis;
    - Contiverem LINKS, SPAM, endereços eletrônicos;
    - Usarem CAPS excessivamente;

    Seus comentários poderão levar algumas horas para aparecer nesta página. Eles não serão necessariamente respondidos pelo autor.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do autor deste site.