Jimmy Savile: Um Exemplo Clássico de Abusador da Indústria do Entretenimento Protegido pela Elite

quarta-feira, 31 de outubro de 2012 19 comentários

Jimmy Savile é considerado um ícone da TV britânica que apresentou shows populares como Jim'll Fix It e Top of the Pops. Suas décadas de presença na cultura pop o fez obter uma quantidade incrível de reconhecimento da "elite", como um Oficial da Ordem do Império Britânico, a Cruz de Mérito da Ordem e Maçom do Borough de Scarborough. Ele também foi nomeado cavaleiro pela própria rainha "para serviços de caridade" e obteve título de cavaleiro papal de João Paulo II, fazendo dele um Cavaleiro Comandante da Ordem de São Gregório o Grande.

Mas agora, mais de um ano após sua morte, a verdade, nojenta e feia, sobre essa figura repugnante está sendo revelada por jornais britânicos: Ele abusava sexualmente de um grande número de crianças e adultos durante sua carreira, aterrorizando, manipulando e os traumatizando, enquanto desfrutava de imunidade total. Agora que o gato está fora da caixa, muitas alegações surpreendentes estão surgindo: Savile aparentemente abusava de meninas nos bastidores de seu programa Top of the Pops, uma de suas vítimas foi uma jovem de apenas nove anos de idade, foi-lhe dado um quarto em um hospital para criminosos insanos, onde ele abusou de pacientes e suas idas para hospitais infantis e para instituições de caridade foram usadas ​​como uma oportunidade para abusar de crianças doentes.

A pior verdade sobre essa história é que as "tendências" de Savile eram bem conhecidas pela polícia e pela BBC (sua empregadora, que é, por sinal, financiada pelos contribuintes britânicos) há anos, mas nada foi feito para detê-lo. Muito pelo contrário, enquanto Savile agressivamente caçava crianças, a BBC cobriu seus crimes, e a polícia aceitava subornos e o ignorava.

As pessoas costumavam chamá-lo de "Sir" Jimmy Savile porque a rainha 
o fez cavaleiro. Enquanto aqueles que o honraram podem agora alegar que 
estão "chocados" ao saber sobre as ações de Savile, tenho a sensação de 
que toda essa informação era conhecida, visto que ele era parte de 
um sistema maior que pratica abuso ritualístico.

Como pode tal homem gozar de tanta imunidade e proteção? E por que ele obtém todos esses impressionantes "títulos"? A resposta é simples, mas terrível: Ele fazia parte do estabelecimento. Ele tinha amigos dentro da elite. Ele fazia parte de sua indústria do entretenimento perversa que está cheia de pedófilos manipuladores, como a si mesmo. Ele era parte dessa camarilha que está acima da lei. Não é surpreendente que todas essas alegações só surgiram depois de sua morte? Não, seus "amigos" o protegeram enquanto ele estava vivo e ele nunca sofreu quaisquer consequências pelos seus atos.

Quantos outros Jimmy Saviles existem na indústria do entretenimento? Pessoas de dentro irão dizer-lhe que ela está literalmente cheia deles. E isso vai muito mais longe do que o abuso nos bastidores de um show. É um sistema organizado completo com escravos de mente controlada, manipuladores treinados e funcionários de alto nível. Aqui está um artigo sobre Jimmy Savile.


 A BBC está Abalada por um Enorme Escândalo de Abuso Sexual 

 O que está acontecendo agora no Reino Unido pode, provavelmente, ser comparado ao escândalo que envolveu Penn State e Jerry Sandusky ainda no começo deste ano. Se, no entanto, ainda maior.

 A BBC acaba de anunciar que vai realizar dois inquéritos internos sobre alegações generalizadas de abuso sexual pela falecida estrela de televisão Sir Jimmy Savile.

 Savile foi um dos apresentadores mais famosos e de maior longevidade da televisão do Reino Unido, apresentando o show de música semanal "Top of the Pops" por 20 anos, e mais tarde seu próprio show, "Jim'll Fix It", onde ele ajudou as crianças a alcançarem seus sonhos. Ele era conhecido pelo seu trabalho de caridade - um obituário estima que ele tinha levantado mais de £ 40 milhões (US $ 64 milhões) para caridade, e distribuído tanto quanto que 90 por cento de sua própria riqueza. 

Savile morreu no ano passado aos 84 anos, depois de quase cinco décadas de fama, mas foi só este mês que as alegações bateram à imprensa que ele abusou sexualmente de crianças e adultos durante o auge de sua fama. A polícia britânica agora diz que eles têm mais de 340 ligações, com 12 acusações oficialmente registradas, e esse número deve crescer.

Algumas das novas alegações são incríveis - que Savile foi dado um quarto em um hospital para criminosos insanos, onde ele abusou de pacientes e que suas viagens a hospitais infantis para instituições de caridade foram usadas ​​como uma oportunidade para abusar de crianças doentes, por exemplo.

 Savile tinha sido conhecido pelo seu comportamento extremamente ortodoxo, mas a maioria tinha considerado as acusações de abuso de crianças, simplesmente, como uma "excentricidade" de Savile. A polícia britânica tinha alegadamente investigado Savile várias vezes durante a sua vida, mas nunca encontrou provas suficientes para acusá-lo. 

Para a BBC, é um desastre em grande escala.

 Por um lado, o escândalo veio à tona neste ano, devido a um documentário exibido no canal de TV rival chamado ITV, que informou que pelo menos 10 mulheres disseram ter sido molestadas por Savile - com alguns dos crimes ocorrendo em edifícios da BBC. Depois falou-se que o programa da BBC de notícias investigativas, Newsnight, estava investigando alegações de abuso por Savile do ano anterior, mas o show foi cancelado, aparentemente devido a não atender aos padrões editoriais da BBC. Muitos acreditam que a associação de Savile com a BBC levou a uma pressão institucional para largar a história, apesar de negações de produtores do show. 

Outros relatórios apóiam a idéia de um acobertamento. Um ex-produtor da BBC disse ao jornal britânico The Sun que ele tinha entrado e visto Savile abusar de uma menina que parecia "muito, muito jovem" na década de 1970. Quando ele disse a seus superiores sobre o incidente, ele afirmou que foi descartado. "Todo mundo sabia o que estava acontecendo. Isso inclui pessoas veteranas da BBC - chefes nos níveis mais altos".

 O escândalo não está limitado a Savile também, e levou a um olhar mais amplo na cultura sexual da organização nos anos 1960 e 70. John Peel, um DJ de rádio falecido da BBC, que é uma das pessoas mais reverenciadas na história da música britânica, foi postumamente acusado de engravidar uma menina de 14 anos na década de 60. Peel agora está sendo investigado, o jornal The Guardian relata. Se a alegação for verdade, a BBC diz que vai reconsiderar seus planos de nomear um edifício de Peel. 

 Naturalmente, o fato de que Savile e Peel agora estarem mortos significa que eles não serão capazes de se defenderem em tribunal, ou na imprensa. Para Savile, em particular, o seu legado é destruído. Até mesmo a lápide elaborada por Savile, recentemente colocada em seu túmulo, foi destruída a pedido de sua família. Ele agora está em uma cova sem marcação. 

 - Fonte: Business Insider


Aqui há um outro artigo interessante do The Telegraph (em inglês) que você pode querer ler, intitulado de Como Jimmy Savile, mestre manipulador, evitou a exposição como um pedófilo. Enquanto as fontes de mídia estão "demonizando" esse homem, destacando-o como um pervertido velho louco, não devemos nos esquecer de que ele era parte de, e protegido por, um sistema inteiro. Enquanto ele está morto e enterrado, muitos outros ainda permanecem.

Fonte: VC

Leia Mais
Corey Feldman irá revelar os Nomes dos Pedófilos de Hollywood
Lula, Chávez - Estranhos Casos de Cancêres entre Líderes Latino-americanos

,

Imagens Simbólicas (outubro/12)

segunda-feira, 29 de outubro de 2012 36 comentários

Olho de Hórus, pirâmide, estampa felina e a sua nova tatuagem oculta da deusa Ísis, uma outra peça importante dentro dessa "conspiração esotérica". Desde o "Good Girls Gone Bad", Rihanna transformou-se provavelmente na artista pop que mais dissemina os simbolismo da elite em seu trabalho. O designer Adam Selman é o responsável por esse novo figurino que ela andou exibindo recentemente.

Seus produtores sabem que a melhor maneira de ocultar aguma verdade é jogá-la na cara.

Na capa de seu novo disco, seu olho é novamente escondido.

No embalo das tatuagens ocultas, Justin Bieber tatua uma coruja,
um símbolo do selo dos Illuminati de Baviera e do Bohemian Grove.

... sabemos que Justin está longe de fazer parte desse primeiro grupo, mas a 
coruja ainda é uma das referências favoritas entre sociedades ocultas de hoje.

Kanye West na inauguração da Versace Soho Store. Baphomet e pentagrama satânico
 em sua calça. Para que esconder? Acho que Donatella também não se importou.

Kesha também não se importa em usar o pentagrama invertido.

Kesha é também famosa por beber "sangue" em palco. A cantora está prester
 a lançar seu novo disco ainda neste ano; seu último trabalho havia sido o EP
 Cannibal, cuja a capa mostra a imagem representando sua mente fragmentada.

Madonna - escondendo o olho com uma borboleta.

"New World Agenda" (Nova Agenda Mundial) é o novo disco do rapper Big Bad 4.0. A 
capa do CD contém o rapper sentado em meio a vários símbolos maçônicos, e mantendo a
 mão "chifrada". Há 3 balas com frases inscritas, uma delas diz "Faça o que quiseres", 
o lema thelêmico de Aleister Crowley. De que lado será que ele joga?

A promoção do novo perfume de Britney Spears mostra novamente 
o conceito de "oposto" e "dualidade". O lado bom e o lado ruim.

O pôster acima é uma agradecimento ao sucesso do Festival de música
 iHeart Radio. Na imagem, a quem o rapper estaria agradecendo?

O Festival "Laundry Day", na Bélgica, trouxe vários simbolismo
 para os jovens, e no centro o "olho que tudo vê" dentro da pirâmide.

O guitarrista japonês Myiavi também, aliás os artistas japoneses também!!!

Revista i-D traz agora Gisele Bündchen...

A revista Singles também está no emabalo de exibir ensaios de artistas escondendo um olho.

Foto promocional da série "Arrow".

Nesta, além do "um olho", temos o triângulo.

Série "The L.A. Complex" - camisa  com o símbolo Illuminati.

Flagrante de simbolismo em um tênis Adidas à venda na Internet.

Este boné postado na Internet também é Adidas.

Esta imagem que circulou na Internet é nos EUA, nos
 anos 70. A vida por lá já era cheia de simbolismo.

Lady Gaga fazendo tributo a Michael Jackson com orelhas de Mickey.

No mesmo evento, Gaga coloca uma coroa de flores em sua própria cabeça. Se
 for mais uma referência a Michael Jackson, seu figurino é altamente 
desrespeitoso, assim como no Grammy 2012, em relação a Whitney.

Esta é uma cena de um vídeo do grupo gospel "Quatro por Um". Enquanto a 
mensagem parece boa e precisa, o vocalista exibe uma camiseta com o simbolismo 
oculto que conhecemos muito bem. Quem será que anda escolhendo os figurinos
 desses "artistas" gospel?

Leia Mais

,

Comercial Assombroso da Nestlé usa Chip para rastrear "Vencedor"

quinta-feira, 25 de outubro de 2012 15 comentários

Uma nova prommoção envolvendo barras de chocolate Nestlé torna o conceito de um estado policial altamente monitorado divertido e emocionante...para idiotas. A promoção ameaçadora intitulada "We Will Find You" (Nós Iremos Encontrá-lo) coloca um chip de rastreamento dentro da barra de chocolate "vencedora", permitindo que a Nestlé rastreie os vencedores via satélite e envie uma equipe para dar-lhes o seu prêmio. O anúncio de TV afirma:


 "A barra está equipada com um dispositivo de sinalização de GPS. Quando ativado, ele irá transmitir um sinal para o espaço, via satélite, e vai voltar para a Terra. Isso irá alertar uma sala de controle secreto, que irá selecionar um time de profissionais altamente treinados. Eles vão embarcar em um helicóptero, encontrar a barra especial e dar ao vencedor 10 mil libras."
 

 Aqui está o anúncio.
 

Então, para resumir, os vencedores da promoção são monitorados e encontrados por uma equipe que vão "prendê-los" como se eles fossem terroristas ou inimigos do estado. No entanto, em vez de bater neles e enviá-los para prisões não reveladas, darão-lhes 10 mil libras. Você vê como um estado policial é divertido? Agentes amigáveis ​​saltam de um helicóptero e dão-lhe dinheiro! É perfeito! Até que eles comecem a usar as mesmas técnicas para bater nos dissidentes* e a enviá-los para prisões não reveladas.

*Que diverge das opiniões de outrem ou da opinião geral, ou se separa de uma corporação por essa divergência.

Fonte:VC

Leia Mais

Die Antwoord - Eles estão contra a Indústria da Música?

domingo, 21 de outubro de 2012 31 comentários

Faz meses que tenho recebido e-mails sobre o grupo de rap sul-africano Die Antwoord  dizendo algo como "OMG, eles são illuminatis!" Desde o lançamento de seu novo vídeo "Boom Boom Fatty", os e-mails agora dizem "OMG, eles são anti-illuminati!". Então eles são a favor? Contra? Não se preocupam com isso? Qual seria a resposta? (Entenderam? Die Antwoord significa "a resposta" em africâner - tão esperto). 

À primeira vista, é difícil não ficar assustado com a estética visual do grupo, que parece ser feita sob medida para irritar os pais de filhos rebeldes. Seus vídeos sempre trazem bastante choque de valor juntamente com uma atitude de "eu não dou a mínima", o que agrada o público ao redor do mundo.

Eles levam crédito por terem popularizado Zef, um movimento contracultura sul-africano que eu só posso descrever como um "fabuloso trash do guetto sul-africano". Yolandi Visser do Die Antwoord disse: "Está associado com pessoas que deixam seus carros mais velozes e balançam peças de ouro. Zef é um você é pobre, mas você é chique. Você é pobre, mas você é sexy, você tem estilo." Em suma, trata-se de glorificar e fazer as coisas que são baratas e que estão associados com a classe mais baixa elegantes.

Fingindo?

Embora muitos amem e se identifiquem com o estilo do grupo, outros alegam que os membros do Die Antwoord são "fake", isto é, eles não fazem parte do gueto perigoso que eles afirmam fazer parte. Embora o site oficial do grupo descreva o rapper Ninja como um cara totalmente excêntrico, outros lembram dele como um membro do grupo conceitual "corporado" MaxNormal.TV. 

 Enquanto em MaxNormal.TV, a dupla tinha um estilo artístico-
moderno-corporativo, o que contrasta bastante com tudo associado ao
 Die Antwoord. Na verdade, é exatamente o oposto do Zef. 

 Há uma enorme mudança  ali, mas é o oposto do que você veria em programas de reality show. 

Os fãs de Die Antwoord , obviamente, não sabem ou não se preocupam com esses críticos, visto que o grupo obteve sucesso viral quando lançaram de forma independente seu primeiro álbum "$ O $".

Dentro e Fora da Interscope 

O estilo chocante e original de Die Antwoord gerou um enorme alarde em todo o mundo, que os levou à obtenção de sua assinatura com a Interscope Records, em 2011. Começaram sendo um grupo sul-africano desconhecido e se tornarem colegas de gravadora com Lady Gaga, Black Eyed Peas e Eminem. A parceria de Die Antwoord com o selo proeminente, no entanto, rapidamente dissolveu-se, quando o grupo alegou que os executivos da gravadora estavam tentando mudá-los e forçá-los em um molde particular. Em uma entrevista, Ninja afirmou:


 "Então, ... a Interscope nos ofereceu um monte de dinheiro novamente para lançar o nosso novo álbum TEN$ION. Mas, desta vez, eles também tentaram se envolver com a nossa música, para tentar fazer-nos parecer com todos os outros que estão por aí no momento. Então nós dissemos: 'Quer saber o que, melhor vocês ficarem com o seu dinheiro, comprarem algo de bom para vocês ... nós vamos fazer nossas próprias músicas. Bye bye". 


Sabendo do jeito que as grandes gravadoras procedem, não seria surpreendente ver o grupo sendo forçado a produzir mais músicas como essas que temos nas rádio ou a incorporar mensagens e simbolismo da elite em seu trabalho. Na verdade, alguns dos materiais promocionais do grupo daquela era mostravam imagens que os leitores podem achar familiares. 

 Enquanto com a Interscope, o grupo estava indo em uma direção cheia de 
imagens MK incluindo pisos xadrez, bonecas, borboletas e todo aquele lixo.

 Em entrevista à MTV Canadá, Ninja afirmou:


"Acho que eles pensaram que nós éramos apenas uns caras estranhos, e pensaram assim: 'Vamos deixar que eles tenham a sua diversão por um tempo, e depois, quando se tratar de seu segundo álbum, vamos fazê-los jogar jogos". "Eles estavam procurando por Lady Gaga e pelos Black Eyed Peas e toda essa droga de tipo de música pop, e estavam pensando que poderíamos nos transformar nisso." 
 

Livre da Interscope, Die Antwoord lançou seu segundo álbum, intitulado Ten$ion, sob seu próprio selo chamado Zef Recordz. Sua raiva contra a indústria é mais do que visível no vídeo "Fatty Boom Boom", e ele visualmente ataca a indústria da música de hoje, especialmente a ex-gravadora do grupo, Interscope (que passa a ser uma dos maiores distribuidores de imagens Illuminati hoje em dia). Se o grupo estava prestes a encaixar-se nos moldes de outros artistas pop, "Fatty Boom Boom" pode ser interpretado como um grande dedo do meio para a indústria.

Fatty Boom Boom

"Fatty Boom Boom" fala sobre o orgulho sul-africano, com ritmos tribais e imagens e uma referência (controversa) a diversidade racial do país com os rappers usando pintura de corpo preta e branca. Além disso, e principalmente, o vídeo fala mal da ex-colega de gravadora Lady Gaga. Veja o vídeo (não assista se você não gosta de coisas super esquisitas).


 O vídeo começa com Lady Gaga fazendo alguns passeios na África do Sul. Nós rapidamente obtemos uma sensação de que ela não pertence à selvagem "selva urbana".

 O papel de Gaga é feito por um homem (é claro) e está usando seu vestido de carne 
 lendário agora (incluindo um bife como um chapéu). Ela vai logo perceber que o 
uso desse equipamento em particular foi um erro. 

Quando o guia mostra a Gaga alguns músicos de rua locais (Die Antwoord), ela diz: "Oh meu deus, olhe para a moda louca deles! Eu deveria levá-los para abrir [a turnê] para mim." Essa é uma referência a Gaga ter pedido ao grupo para abrir a turnê para ela no passado, e eles responderam: não. Em entrevista à MTV, Ninja afirmou:


 "Uma coisa estranha está acontecendo, a droga da Lady Gaga pediu-nos para fazer uma turnê com ela e nós dissemos, 'Não, não se preocupe com isso."
 

Nessa entrevista, eles continnuaram insinuando que ela estava fazendo uma música "fraca e superficial". Então, obviamente, eles realmente não gostam dela.

Então, o ônibus da turnê é sequestrado por homens armados e Lady Gaga foge na selva de concreto. Isso também vai ser um erro.

 A letra da canção expressa raiva contra a indústria da música e a música rap de hoje e sua falta de originalidade. No primeiro verso, Ninja diz:


"O que aconteceu com todos os rappers criativos daquela época? 
Agora todos esses rappers soam exatamente o mesmo
 É como um grande festa de f*** inata
Não, eu não quero parar, colaborar ou ouvir"
 

O elemento mais marcante do vídeo é o mural que aparece durante a metade do vídeo. Definitivamente, não é sutil nem agradável para algumas figuras importantes da indústria da música.

 O mural intitulado "coisa má" apresenta o Arcebispo Desmond Tutu segurando uma Bíblia
 que está atirando fogo em um monstro composto por cabeças com chifres, de Lady Gaga, 
Kanye West, Pitbull, Nicki Minaj e Akon. O monstro está defecando nos colegas
 do grupo, do selo anterior, os Black Eyed Peas.

Será essa "coisa do mal" satânica com várias cabeças a indústria da música? A mensagem está bastante clara.

O resto do vídeo mostra Lady Gaga tendo um camarão extraído de suas partes íntimas (uma referência a ela no vídeo "Born This Way") e ela sendo comida por um leão (que provavelmente foi atraído pelo seu vestido de carne).

 O rei da "selva de concreto", símbolo da justiça e do orgulho africano, come 
Lady Gaga viva. Ahum, Die Antwoord realmente não gostam de Lady Gaga. 

 Assim, com este vídeo, será que Die Antwoord estão genuinamente indo contra a indústria da música ou estão simplesmente buscando atenção da mídia (porque está funcionando)? Rejeitando a oferta de Lady Gaga de abrir sua turnê "Monster Ball" e deixando a Interscope foram jogadas corajosas, mas também foram uma ótima maneira de ganhar notoriedade e fãs leais. Será que essas ações vão dar certo e o grupo vai continuar mostrando o dedo do meio para a indústria da música? Vamos ver que tipo de material eles vão lançar no futuro. Uma coisa é certa, eles vão continuar irritando um monte de gente e causando polêmica ... porque essa é a única coisa que eles fazem.

Fonte:VC

Leia Mais 
Artistas falando contra os Illuminati 
O Significado Oculto do Perfume "Fame" de Lady Gaga

, ,

O que está acontecendo com Britney Spears?

quinta-feira, 18 de outubro de 2012 44 comentários

A vida pessoal da cantora Britney Spears virou notícia nas últimas semanas novamente. Evidências de que ela é uma pessoa mais do que controlada e monitorada, por pessoas de sua própria família, uma característica básica das vítimas de controle mental, estão surgindo cada vez. Em alguns artigos sobre Britney Spears, descrevemos como ela foi um dos exemplos mais óbvios de controle mental na indústria do entretenimento. A cantora não tem absolutamente nenhum controle sobre sua própria vida pessoal, muito menos sobre sua vida profissional. Enquanto os meios de comunicação apontam o dedo para alguns indivíduos "controladores", está cada vez mais óbvio que ela é o produto de um sistema que suprime totalmente sua vontade própria e sua liberdade pessoal.

Vimos anteriormente que seu pai e o noivo Jason Trawick têm a tutela jurídica sobre sua vida. Em outras palavras, eles seriam os "manipuladores" de Britney. Britney tem tentado se libertar desses homens que controlam todos os aspectos da sua vida (pois como pode um noivo estar no controle de sua vida?), mas os tribunais não estão querendo deixar, e as razões citadas para a continuidade dessa tutela são bastante obscuras e misteriosas. Documentos foram arquivados em seu caso; documentos que "urgentemente pedem que o juiz mantenha certos registros em sigilo", pois são considerados "muito sensíveis" e causariam "danos irreparáveis ​​e perigo imediato" se tornarem públicos. Os documentos estão relacionados a sua condição e tratamento. Será que esses documentos "muito sensíveis" mencionam algo sobre ela estar sob controle mental monarca? Isso certamente explica por que a revelação dessa informação poderia causar "danos irreparáveis ​​e perigo imediato".

Como se isso não fosse o suficiente, mais provas de que Britney Spears é uma vítima de controle  mental nas mãos de manipuladores sem escrúpulos se acumularam. Como se não bastasse ter o controle de suas finanças e de sua carreira todo nas mãos do pai, Britney Spears também não tem liberdade para acessar a internet e usar o seu celular de forma independente. Segundo o site Radar Online, tudo que a cantora faz no telefone ou no computador é monitorado pelo seu pai, Jamie Spears, e pelo noivo, Jason Trawick. Outra característica marcante de uma vítima de controle mental. Será que seus manipuladores estão com medo que Britney entre em algum site que revele alguma coisa sobre sua condição? Pois, de acordo com Fritz Springmeier, quando um escravo MK descobre que está sob controle mental, ele pode se suicidar. Com todas as atividades de internet sendo estreitamente controladas e monitoradas, as chances são de que ela nunca acabe entrando em algum site como o nosso.

 Agora, por último, uma aparente disputa entre seus manipuladores do passado e do presente está fazendo com que algumas informações que eram "censuradas" surjam. O próximo julgamento de Sam Lutfi (ex-assessor e manipulador) pode trazer mais revelações sobre o estado de Britney de "quase escrava". A pessoa que olhava a cantora vai depor sobre as táticas de manipulação de Lufti e, de acordo com uma fonte, "ela só quer que a verdade seja dita e diz que vai ser chocante". A própria Britney não estará no julgamento porque, de acordo com o juiz, isso poderia causá-la "dano irreparável ou perigo imediato". Leia a última frase de novo e se pergunte "danos irreparáveis ​​e perigo imediato.": "Por quê?" Será mesmo porque os escravos MK que descobrem sobre sua verdadeira condição são muitas vezes programados para "auto-destruição"? Como pode uma cantora dessa "importância" conseguir fazer, shows, músicas e vídeos, mas não poder entrar na Internet livremente? Espero que ela encontre uma maneira de se libertar um dia.

Fontes:
VC
Mail Online
Huffington Post

Leia Mais
A Indústria da Música Exposta - Parte 2 - Quebrando o Controle Mental
Britney Spears em Turnê e ainda sob Controle Mental

, ,

O Significado Oculto do Perfume de Lady Gaga "Fame"

domingo, 14 de outubro de 2012 53 comentários

Como em tudo relativo a ela, o perfume "Fame" de Lady Gaga, e seu comercial, contém elementos ocultos subjacentes que são apenas reconhecíveis por aqueles que têm algum conhecimento sobre o assunto. Enquanto a propaganda em torno do perfume parece reconhecer e até mesmo celebrar o lado escuro, mal da fama, a composição do perfume em si contém ingredientes utilizados na antiga feitiçaria e rituais de magia sexual. O simbolismo no comercial é uma crônica dos esforços de um artista para atingir o sucesso na indústria. Daí o porquê do nome do perfume, "fama".
 

Leia Mais

, , , ,

"O Segredo da Cabana" - Um Filme Celebrando os Sacrifícios Ritualísticos da Elite

quarta-feira, 10 de outubro de 2012 25 comentários

"O Segredo da Cabana" é um filme de terror de sucesso, que também recebeu grande aclamação da crítica. Enquanto muitos apreciaram o filme por sua sagacidade, humor e originalidade, o enredo do filme, no entanto, é sério e muito real: ele representa o uso de rituais de ocultismo da Elite sobre as massas desavisadas. Considerado "inovador" e uma "virada de jogo" por críticos de cinema, "O Segredo da Cabana" contém muitos elementos clássicos de filmes de terror e acrescenta novos elementos interessantes à mistura. Eles continuamente referem-se e comentam sobre o gênero filme de terror, elogiando alguns dos seus aspectos, enquanto zombando dos muitos clichês que são encontrados no gênero. A trama básica já foi vista muitas vezes, visto que ela envolve zumbis correndo atrás de adolescentes que são tão burros e genéricos que você mesmo quase quer que eles morram. Mas há mais na história do que apenas isso: o filme é sobre marionetistas da elite supervisionando um ritual de sangue maciço usando o controle mental e monitoramento de alta tecnologia. No final, "O Segredo da Cabana" transforma-se em uma metáfora para a nossa sociedade que é fortemente controlada sob o controle de forças ocultas sombrias. O filme foi co-escrito e dirigido por Joss Whedon, que criou também uma série de TV, Dollhouse, na qual abordou o conceito de controle mental de uma forma bastante óbvia. 

À primeira vista, os personagens do filme são cheios de clichê, a tal ponto que é absurdo. Temos o atleta típico, a típica garota da sacanagem, o maconheiro típico, o cara chato e inteligente, e a virgem puritana e tímida. Esses adolescentes são propositadamente genéricos sem falar na monotonia de personagens em filmes de terror ruins, mas, ao desenrolar da história, nós descobrimos que eles também foram selecionados e manipulados por uma organização para incorporar plenamente arquétipos específicos, a fim de completar um ritual.

 Os heróis (ou vítimas) do filme são um tanto unidimensionais. Nós logo 
descobrimos que eles foram manipulados para se tornarem daquele jeito. 

Ao avançar do filme, muitos aspectos-chave da elite ocultista e de seu funcionamento são descritos em detalhes vívidos: mega-rituais mediatizados, sociedades secretas ocultistas, controle mental, monitoramento de alta tecnologia e assim por diante. No final do filme, pode-se perceber que esses adolescentes assustados e confusos correndo e caindo em armadilhas somos nós, também conhecidos como as massas. Vamos olhar para os elementos encontrados no filme e analisar o seu pleno significado.

 A Organização Anônima

 No início do filme, vemos cinco amigos entrando em uma van e indo para uma cabana na floresta (daí o título do filme), onde o álcool, diversão e brincadeiras de adolescente aguardam. Os amigos, contudo, não sabem que esse fim de semana de possíveis festas, na verdade, será um grande ritual de sacrifício conduzido por uma organização internacional de alto nível.

 Sempre anônima no filme, a organização por trás do sacrifício de sangue, e de alta
 tecnologia, utiliza instalações em todo o mundo e parece ter uma grande quantidade de 
recursos e funcionários. Podemos associar essa organização com a elite oculta, a Nova 
Ordem Mundial e suas instalações secretas? Sim, sim, nós podemos. 

 Basta olhar para o centro de comando, nós entendemos que não é uma operação pequena e clandestina, mas uma organização altamente sofisticada que mexe com  equipamentos militares 
de rastreamento que só estão disponíveis nos mais altos níveis governamentais. 

O único objetivo da organização é a criação de mega-rituais de alto perfil que envolvam a morte de civis em todo o mundo, a fim de apaziguar as forças escuras embaixo da Terra. Esses rituais são possíveis através da manipulação de certos indivíduos determinados a fazerem certas coisas, tornando-os participantes inconscientes em um ritual oculto. Esse conceito foi discutido várias vezes neste site, visto que mega-rituais envolvendo elementos simbólicos de sacrifícios de sangue realmente acontecem na vida real, onde tudo é encenado, e elementos são configurados para se obter o máximo de exposição e potência mágica. 

Embora esse seja um assunto muito obscuro e considerado tabu, alguns pesquisadores ocultos têm determinado que muitos eventos mediatizados realmente são mega-rituais ocultos realizados para cumprir objetivos específicos. Quer estejamos falando de Jack, o Estripador, ou, como recentemente, os assassinatos de Batman, alguns assassinatos são realmente configurados para seguirem regras específicas e carimbar a sociedade com símbolos específicos. 


"É claro, muitos assassinatos em série não são nada mais do que o trabalho de um único indivíduo atuando na realidade um filme de terror que ele viu, ou respondendo a "poderosos" impulsos psicóticos de agressão e predação. Mas muitos outros assassinatos em série envolvem um grupo protegido pelo governo dos EUA e pela mídia corporativa, com fortes vínculos com a polícia. Esses assassinatos rituais são intricadamente coreografados; realizados primeiro em uma escala muito íntima e secreta, entre os iniciados para programá-los e em grande escala, amplificado incalculavelmente pela mídia eletrônica. No final, o que temos é uma transmissão de um ritual altamente simbólico, para milhões de pessoas, uma inversão satânica; uma missa negra, onde os "bancos" são preenchidos por toda a nação através da qual a humanidade é paganizada, brutalizada e rebaixada nisto, a fase "Nigredo" do processo alquímico. 

O francês adepto Antonin Artaud, arquiteto da teoria do "Teatro da Crueldade" com seu poder transformador e, a inspiração para a mídia extrema do "sexo e morte" do nosso tempo, tinha a dizer sobre o processamento do Grupo Mente: "Além de mexer com feitiçaria de feiticeiros do campo, existem truques de hoodoo global em que todas as consciências alertadas participam periodicamente ... É assim que as forças estranhas são despertadas e transportadas para o cofre astral, para aquela cúpula escura que é composta acima de tudo... a venenosa agressividade das mentes ruins da maioria das pessoas ... a opressão tentacular tremenda de uma espécie de magia cívica indisfarçável que aparecerá em breve.

"A questão de controlar a humanidade com palavras e símbolos esotéricos codificados dentro de um peça, uma mídia espetacular ou um ritual é um dos mais difíceis para as pessoas  compreender. Isso é porque a maioria das pessoas são vistas com desprezo como "Cowans", "profano", os "gentios" e os "goyim" (gado) por iniciados de sociedades secretas. "Eu acho que somos cultivados", disse Charles Fort sobre a humanidade. Foi Fort que, deliberadamente, também sugeriu que o homem inventasse o dogma do materialismo, a fim de proteger-se da prova de que estava sendo feita a ele por meio de métodos de guerra psico-espirituais levada  pela "coincidência", simbolismo e ritual. "

 - Michael A. Hoffman, Secret Societies and Psychological Warfare


Embora a citação acima tenha sido escrita há mais de 20 anos, ela descreve perfeitamente o enredo de "O Segredo da Cabana" que, por sua vez, descreve mega-rituais em uma questão direta, mas muito caricatural. Ao fazer isso, o filme revela o funcionamento da elite quando o ficcionaliza  - ele coloca tudo em aberto, enquanto ao mesmo tempo faz as pessoas crerem que "é só um filme". Embora há um monte de sátiras e loucuras no filme, seu conceito subjacente é mais verdadeiro do que a maioria acreditaria. 

 A organização obscura realiza rituais em todo o mundo, alguns dos quais são bem
 sucedidos e outros não. A maioria são feitos para se parecerem como "acidentes" e 
aqueles que são bem sucedidos são amplamente divulgados em todo o mundo.

Essa organização da elite, tão poderosa como é, só obedece à vontade de forças das trevas chamadas "os anciões" e "os deuses". Os "técnicos" que fiscalizam o ritual são realmente membros de uma fraternidade oculta e seu trabalho é garantir que os rituais estarão completos.

 Após a morte da primeira vítima, vemos um dos técnicos recitando uma oração sombria e 
depois beijando um pingente, símbolo mágico da sociedade secreta. Como na vida real, algumas operações que parecem ser sobre a ciência e pragmatismo são realmente motivadas por razões muito obscuras e ocultas.

 Assim, o ramo dos EUA dessa Organização sombria manipula os cinco estudantes americanos para irem passar um fim de semana em uma cabana isolada na floresta. A cabine é criada em um ambiente totalmente artificial e controlado pelos mestres das marionetes. Na verdade, a cabine e seu entorno é um grande estúdio de gravação de TV, com microfones e câmeras, que alteram a química na mente para controlar os atores,  portas remotas controladas e efeitos de luz. 

 Quando os adolescentes dirigem para a localização da cabine, percebemos que 
eles estão entrando em uma zona "virtual" que é totalmente criada e controlada
pela organização. Dentro dela, os adolescentes se tornam marionetes nas
 mãos dos senhores de fantoches de alta tecnologia . 

Os Cordeiros Sacrificiais

 Assim que chegam na cabine, os adolescentes são colocados para encarnar arquétipos específicos, a fim de completar o drama ritual exigido pelos deuses. Ele precisa ser realizado em uma matéria específica e precisa ser completamente gravado e televisionado. Os "deuses" exigem a morte de cinco arquétipos específicos no drama ritual: a prostituta, o atleta, o tolo, o erudito e a virgem. 

A PROSTITUTA

No templo da irmandade estão dispostas tábuas de pedra representando
 cada arquétipo que precisa ser morto. Este representa a prostituta.

Desde o início do filme, a personagem chamada Jules Louden desempenha o papel de uma "bomba sexual" que parece ficar excitada por qualquer coisa. Durante sua (curta) estadia na cabana, ela se sente à vontade de falar constantemente sobre sexo ou de dançar como uma stripper. No entanto, ficamos sabendo que Jules não está sendo si mesma: ela foi drogada e manipulada para se tornar a prostituta proverbial. Ao olhar mais atento, um visualizador astuto pôde perceber muitas  características em Jules Louden de uma escrava de controle mental Sex Kitten. 

 A primeira cena envolvendo Jules enfatiza o fato de ela ter tingido o cabelo de loiro.
 Em simbolismo de Controle  Mental, cabelos loiros são usados para identificar Sex Kittens - programação Marylin Monroe . Ficamos então sabendo que os "mestres de marionetes" 
tingem seu cabelo com produtos químicos para reduzir a cognição 
e para aumentar a sua libido. 

Então Jules não é necessariamente uma "prostituta" - ela foi manipulada e drogada para se tornar como uma, da mesma forma que o controle mental utiliza para fazer as meninas se tornam Sex Kittens regulares (pense nas muitas "celebridades" imorais que começaram "normais"). Na cabine, Jules exibe um comportamento típico de uma escrava MK , vítima da programação Beta.


BETA -  Referida como programação“sexual”. Essa programação elimina todas convicções morais aprendidas  e estimula o instinto primitivo sexual, desprovido de inibições. Alters “felinos” podem sair nesse nível.

- Ron Patton, Project Monarch
 

 O exemplo mais óbvio do comportamento Sex Kitten ocorre quando Jules se "atreve" a fazer sexo com uma cabeça de lobo colocada na parede da cabine. Ela se envolve em uma sessão sensual perturbadoramente longa com a cabeça de lobo, enquanto seus amigos a assistem meio sem jeito. A cena termina com Jules dizendo "obrigado" para o lobo, confirmando que as drogas que ela recebeu completamente eliminaram suas inibições. 

Jules está recebendo bastante prazer fazendo sexo com esta cabeça de lobo, porque 
ela estava programada para realizar tais tarefas. A bestialidade é apenas uma das coisas 
distorcidas que Beta-kittens atuais são ordenadas a fazer por seus manipuladores. 

Os mestres de marionetes deixam claro que Jules precisa ser sacrificada primeiro - porque ela é uma vadia e, portanto, corrompida. Isso precisa acontecer de uma maneira muito específica, a fim de seguir os princípios ocultos sombrios. Os técnicos querem que ela seja morta durante o coito e, mais especificamente, quando ela se aproximar do clímax. Princípios da magia sexual estipulam que os indivíduos acumulam a maior "força da vida" durante os momentos logo antes do clímax. Sacrificar a pessoa certa naquele momento garantiria, portanto, a maior potência mágica para um ritual. 

Os técnicos acompanham de perto Jules copulando com o cara, esperando que ela vá e 
tire sua camisa. Explicando o ritual para um "estranho" que não entende por que ela DEVE
despir-se, um técnico diz: "Nós não somos os únicos a assistir ... tenho que manter o
 cliente satisfeito. Você entende o que está em jogo aqui? "Em outras palavras, o ritual
 precisa ser gráfico e totalmente transmitido para ser considerado um sucesso, 
algo que vemos na vida real, mesmo sem perceber.

Depois de alguns minutos de brincadeira, que deixam os adolescentes (ou os telespectadores) excitados, Jules é violentamente atacada por um zumbi bem quando ela se aproxima do clímax. A estranha combinação de sexo e morte é característica dos rituais negros e é também transmitida em filmes extremos que são distribuídos em círculos da elite. Em suma, a morte de Jules foi planejada de acordo com o funcionamento da elite ocultista. 

O TOLO

Como na maioria dos filmes de terror envolvendo adolescentes, há algum tipo de "bobo" no pacote que dá o alívio cômico. Sempre fumando um baseado, o personagem chamado Marty Mikalski faz esse papel. Curiosamente, o "tolo" é bastante teórico da conspiração também. 

 Dentro da van, Marty explica como a sociedade está sendo fortemente monitorada através
 de câmeras e "chips dentro da cabeça das crianças". Ele afirma que é preciso, por vezes, "sair
 da matriz" para escapar da loucura. É claro, ela fala todas estas coisas enquanto enrola um baseado, na sutileza, dizendo aos telespectadores: "Só as cabeças de maconheiros paranóicos
 são contra microchips e monitoramento do estado". Para piorar as coisas, Marty, então,
 mostra um baseado terminado à Jules e diz a ela: "Eu vou fazer você ver as coisas do
 meu jeito", o que significa que estar "consciente" é igual a estar drogado.

Como discutido em meus artigos sobre os filmes Contágio e 2012, "teóricos da conspiração" (ou qualquer pessoa com visões diferentes da mídia) são sempre retratados como birutas com pouca ou nenhuma credibilidade. Marty em "O Segredo da Cabana" cumpre a mesma função. Enquanto ele diga coisas que são acreditadas por muitas pessoas, nós quase que ainda escutamos um efeito sonoro de "cuco" no fundo, enquanto ele discute microchips e tal. 

 O tolo, no entanto, acaba por estar certo sobre um monte de coisas e tenta convencer seus amigos sobre a conspiração em que estão envolvidos. Como é frequentemente o caso, ninguém acredita nele até que seja tarde demais, porque, afinal de contas, ele é o bobo. Vamos ver mais tarde como ele vai passar a ser um herói improvável (como também destruir o mundo). 

A VIRGEM

Na maioria das culturas que praticavam sacrifícios ritualísticos, virgens eram consideradas as ofertas de "mais alta qualidade" devido ao fato de que elas eram consideradas puras, limpas, sem corrupção e inocentes. Elas não foram tocadas por homem e pelo mundo e, portanto, eram vistas como santas e as mais potentes espiritualmente. A personagem chamada Dana Polk foi feita para desempenhar esse papel no drama ritual, embora ela não seja realmente uma virgem (pois não há, aparentemente, muitos adolescentes virgens disponíveis hoje em dia).

 Embora ela parece ser a mais fraca e a mais vulnerável​​ das 
vítimas, a virgem acabou sendo uma heroína improvável. 

Para o ritual ser completo, Dana precisava viver mais que todos os seus amigos e sua morte seria opcional. O importante é que ela sofreu, assim como os mestres de marionetes precisavam capturar dor e punição na câmera, no fetiche da vida real das forças escuras por de trás dos Illuminati. Na verdade, o ritual em "O Segredo da Cabana" segue umas regras específicas semelhantes aos rituais que são realizados atualmente pela elite oculta. Aqui estão algumas delas. 

Regras do Ritual 

A maioria dos mega-rituais seguem regras específicas enunciadas que estão claramente no filme. Essas regras são feitas para dar aos rituais mais potência, enquanto que permite que os poderes que existem evitem os efeitos negativos do carma ruim (de acordo com sua interpretação esquisita disso). 

REGRA 1: ANUNCIANDO O QUE ACONTECERÁ DE ANTEMÃO

 Em seu caminho para a cabine, os adolescentes atendem um personagem desagradável
 apelidado de "O Mensageiro", que os avisa de maneira não tão sutil que eles serão mortos. Apesar das advertências, os amigos resolutamente continuam. 

Como visto em artigos anteriores neste site, mega-rituais são geralmente precedidos por "pistas" nos meios de comunicação de aviso ou preparação das vítimas (e do mundo) para o que está por vir. Se depois de avisadas, as vítimas forem por sua própria vontade, em seguida, os controladores das marionetes são liberados de responsabilidade kármica. Durante o filme, um técnico diz:


 "Eles têm que fazer a escolha de sua própria vontade. Caso contrário, o sistema não funciona. É como o Arauto... essa droga que usa uma placa dizendo praticamente 'você vai morrer'. Por que nós o colocamos lá? O Sistema. Eles têm que optar por ignorá-lo. Eles têm de escolher o que acontece na adega. Sim, nós fraudamos o sistema, tanto quanto nós precisamos, mas, no final, se eles não transgredirem, eles não podem ser punidos." 
 

Esse conceito é visto muitas vezes na vida real onde vítimas de sacrifício ritualístico colocam si mesmas em uma situação específica, embora tenham sido completamente manipuladas para fazer isso (ver Vítimas MK que morrem de uma "overdose").

  Em um dos quartos da cabine há uma pintura retratando um cordeiro sendo rasgado em pedaços por todos os tipos de criaturas ferozes. Essa é mais uma forma de as vítimas serem sutilmente "avisadas" do que está prestes a acontecer. No entanto, desde que os jovens não têm idéia do que está acontecendo, eles simplesmente o ignoram. Isso pode ser comparado com a elite exibindo sinais de que algo está para acontecer bem na frente de nossos olhos, como previsões sobre
 a NOM em locais públicos.


 REGRA 2: AS VÍTIMAS DEVEM SELAR SEU PRÓPRIO DESTINO

 Apesar de todos os aspectos de seu ambiente serem rigidamente controlados e manipulados pelos mestres de marionetes, as vítimas ainda são conduzidas a escolher seu destino por sua própria vontade.

 Ao lerem frases enigmáticas em latim dentro de um livro, os cinco amigos
 invocaram os zumbis que incansavelmente querem matá-los. Acionando os 
assassinos, os fantoches estão livres da responsabilidade kármica.

 Embora os conceitos acima são extremamente obscuros, eles são claramente definidos e comunicados no filme. Eles são um reflexo da forma de funcionamento da elite ocultista (também conhecida como os Illuminati), em que nada é óbvio e tudo é manipulado nos bastidores a fim de obter um resultado específico. Antigos sacrifícios de sangue foram realizados em aberto com os participantes sabendo do que estava acontecendo (não que eu esteja idealizando aqueles dias), mas hoje, há engano e manipulação, com ênfase em sofrimento e angústia, algo que apenas aqueles que lidam com artes negras se deleitam. Ao descobrir exatamente o que estava acontecendo, Marty (o maconheiro) diz:


 "Um sacrifício ritual? Grande. Você amarra alguém a uma pedra, pega um punhal chique e um monte de roupas. Não é tão complicado."
 

 Para esse comentário, a virgem responde:


 "Isso é simples. Eles não querem nos ver mortos. Eles querem nos ver punidos". 
 

Quem Vence no Final?

 O final do filme é muito revelador, mas muito inquietante. Para que o ritual seja completo, Marty deve morrer antes da virgem. Se isso não acontecer, os "antigos deuses do mal" vão subir e matar a todos na Terra. Quando perguntado se quer matar a si mesmo para salvar o mundo, Marty recusa - sabendo muito bem que ele vai ser morto pelos deuses do mal de qualquer maneira.

 Dana e Marty então acendem um baseado e esperam que os deuses subam. Dana diz:


 "É hora de dar a alguém uma chance ... Gigantes deuses do mal". 


Em seguida, uma mão gigante se levanta de debaixo da terra, mata todos e depois estende a mão para pegar os espectadores do cinema. E é assim que o filme termina ...com um deus mau agarrando o espectador.

 O grande vencedor do filme? Um deus do mal, ou seja, o próprio Satanás.

 Então, no final, o único vencedor do filme é um "gigante deus do mal"que sobe do inferno, o qual poderia ser equiparado a Satanás nas religiões abraâmicas. Dana e Marty, os "heróis" da história,  de bom grado, permitiram que o deus do mal subisse e tomasse conta da Terra. Os "heróis" causaram o pior fim possível, uma das voltas do filme que deixa o público pensando. Ele, no entanto, tem um significado simbólico importante e diz muito sobre aqueles que estão por de trás do filme. Em retrospecto, os fantoches eram bons ou maus? Eles eram idiotas sádicos realizando um ritual oculto, mas também estavam tentando salvar o mundo da ira dos deuses do mal. Hmmm ... 

Conclusão 

"O Segredo da Cabana" é um sucesso entre os fãs de cinema, devido à sua inteligência e seu estudo do gênero de filmes de terror. No entanto, passando essas observações óbvias, a história do filme esconde uma outra camada de interpretação: ela revela o jeito oculto do funcionamento dos Illuminati, a fim de manter o poder e para criar uma mente coletiva com símbolos que usam rituais e sacrifícios. A "organização" no filme usa uma estranha mistura de conhecimento científico com rituais do "mundo antigo" de ocultismo para realizar seus planos.

Embora essa história seja pura ficção, ela também revela (em uma maneira estranha) como a elite oculta verdadeiramente funciona. Dito isso, podemos comparar os adolescentes sem noção do filme com as massas sem noção? Podemos equacionar a cabana na floresta com a sociedade altamente monitorada e controlada de hoje? As nossas percepções estão sendo propositalmente modificadas através do controle mental, mídia de massa e remédios para fazer-nos cair em armadilhas? Estamos sendo propositadamente emburrecidos como esses jovens para que nós façamos os pedidos da elite por nossa livre vontade? O filme "O Segredo da Cabana" é equivalente ao arauto no filme, que se comunica por meio de advertências severas para pessoas que estão muito longe de entender alguma coisa sobre isso tudo? Como Marty Stoner diz: "Você não está vendo o que você não quer ver".

Fonte VC

Leia Mais
Filme "Espelhos do Medo" - Não é Terror, é Controle Mental
Filme "Contágio" ou Como Filmes de Desatres Educam as Massas